EU VOS AMO! VÓS SOIS A MINHA VIDA.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Juramento do Imperador


Um imperador fez o juramento de conquistar e eliminar do seu reino todos os seus inimigos.
Algum tempo depois, os súbditos viram o imperador que passeava pelos jardins imperiais, acompanhado com os seus piores inimigos, rindo e brincando com eles. Surpreendido, perguntou um dos seus cortesãos:
- O senhor não tinha jurado eliminar do seu reino todos os seus inimigos?
- Sim! Todos foram eliminados da minha lista, respondeu o imperador, tornei-os todos meus amigos!...



Pensa, responde e pergunta:

Se tu fosses uma flor, que flor serias?
Se fosses uma árvore, que árvore serias?
Se fosses uma cor, uma residência...



Se morresses, hoje:

Quem sentiria a tua falta?
O que desejarias ter realizado?
Que presente darias ao mundo?

Fonte: JAM


VEM DIVINO ESPÍRITO SANTO! ILUMINAI O NOSSO ESPÍRITO, DERRAMAI SOBRE ELE A ABUNDÂNCIA DOS VOSSO DONS!

sábado, 26 de maio de 2012

Frase do Dia

É Deus que leva o homem a deixar a sua terra, os seus pais, e as coisas agradáveis da vida, para que, em vez disto, dedicar-se ao trabalho entre escravos de galerias, encarcerados, crianças abandonadas e doentes, sem exigir outra coisa na vida.

Coisas assim, só Deus o pode efectuar. Não te esqueças nunca que foi Ele quem te chamou.

São Vicente de Paulo

Josué, 2


1. Josué, filho de Nun, despachou de Setim secretamente dois espiões: Ide, disse-lhes ele, e examinai a terra e a cidade de Jericó. Em caminho, entraram em casa de uma prostituta chamada Raab, onde se alojaram.
2. E foi avisado ao rei de Jericó: Entraram aqui de noite alguns israelitas para explorar a terra.
3. O rei mandou dizer a Raab: Faze sair esses homens que foram ter contigo e entraram em tua casa; porque vieram espionar a terra.
4. Mas a mulher ocultou os dois homens e respondeu: Vieram realmente uns homens à minha casa, mas eu não sabia de onde eram.
5. Pela tarde, quando se iam fechar as portas da cidade, eles partiram. Ignoro para onde foram. Persegui-os vós depressa e os alcançareis.
6. Ora, ela os fizera subir ao terraço de sua casa e os ocultara sob palhas de linho que ali havia.
7. Os homens enviados foram atrás deles pelo caminho, que conduz ao vau do Jordão, e as portas da cidade foram fechadas após a partida da patrulha.
8. Antes que se deitassem, Raab subiu ao terraço junto dos espiões e disse-lhes:
9. Eu sei que o Senhor vos entregou esta terra; o terror de vós apoderou-se de nós, e todos os habitantes da terra estão desanimados por vossa causa.
10. Ouvimos dizer como o Senhor secou as águas do mar Vermelho diante de vós, quando saístes do Egito, e como, além do Jordão, tratastes os dois reis dos amorreus, Seon e Og, os quais votastes ao interdito.
11. Quando ouvimos isso, nosso coração desfaleceu e ninguém mais tem coragem de vos resistir, porque o Senhor, vosso Deus, é o Deus nas alturas dos céus e aqui embaixo na terra.
12. Agora, vo-lo peço, jurai-me pelo Senhor, que, assim como usei de bondade para convosco, do mesmo modo poupareis a casa de meu pai.
13. Dai-me um sinal seguro de que salvareis meu pai, minha mãe, meus irmãos, minhas irmãs e todos os que lhe pertencem e livrareis as nossas vidas da morte.
14. Eles responderam-lhe: a custa de nossa vida salvaremos a vossa, contanto que não nos atraiçoeis. Quando o Senhor nos entregar esta terra, fiéis (à nossa promessa) tratar-te-emos com bondade.
15. Então, servindo-se de uma corda, ela desceu-os pela janela, pois a casa em que morava estava sobre o muro da cidade.
16. Ide para o monte, disse-lhes ela, para que não vos encontrem os vossos perseguidores. Ocultai-vos ali durante três dias, até que eles voltem; depois retomareis o vosso caminho.
17. Os homens disseram-lhe: Eis como havemos de cumprir o juramento a que nos obrigastes:
18. quando tivermos entrado na terra, porás este cordão vermelho na janela por onde nos fizeste descer; reúne em torno de ti, em tua casa, teu pai, tua mãe, teus irmãos, e toda a família de teu pai.
19. Se alguém ultrapassar a porta de tua casa e sair para fora, este será responsável pelo que acontecer, e nós seremos inocentes. Mas se alguém puser a mão sobre quem quer que seja que se encontrar contigo em tua casa, é sobre nós que isto cairá.
20. Se divulgares, porém, o que combinamos contigo, estaremos desobrigados do juramento que nos fizeste fazer.
21. Seja como dissestes, respondeu ela. Depois os despediu, e eles partiram. E ela pendurou o cordão vermelho na janela.
22. Eles foram para o monte, onde permaneceram durante três dias, até que voltassem os que os perseguiam. Estes, tendo buscado por todo o caminho os espiões, não os encontraram.
23. Os dois homens desceram então do monte e, voltando, passaram o Jordão. Foram para junto de Josué, filho de Nun, e contaram-lhe tudo o que se tinha passado.
24. O Senhor, disseram-lhe eles, entregou toda essa terra nas nossas mãos, pois todos os seus habitantes tremem diante de nós.

Bíblia Ave Maria - Todos os direitos reservados

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Eclesiástico, 9


1. Não tenhas ciúme da mulher que repousa no teu seio, para que ela não empregue contra ti a malícia que lhe houveres ensinado.
2. Não entregues tua alma ao domínio de tua mulher, para que ela não usurpe tua autoridade e fiques humilhado.
3. Não lances os olhos para uma mulher leviana, para que não caias em suas ciladas.
4. Não freqüentes assiduamente uma dançarina, e não lhe dês atenção, para que não pereças por causa de seus encantos.
5. Não detenhas o olhar sobre uma jovem, para que a sua beleza não venha a causar tua ruína.
6. Nunca te entregues às prostitutas, para que não te percas com os teus haveres.
7. Não lances os olhos daqui e dali pelas ruas da cidade, não vagueies pelos caminhos.
8. Desvia os olhos da mulher elegante, não fites com insistência uma beleza desconhecida.
9. Muitos pereceram por causa da beleza feminina, e por causa dela inflama-se o fogo do desejo.
10. Toda mulher que se entrega à devassidão é como o esterco que se pisa na estrada.
11. Muitos, por haveres admirado uma beleza desconhecida, foram condenados, pois a conversa dela queima como fogo.
12. Nunca te sentes ao lado de uma estrangeira, não te ponhas à mesa com ela;
13. não a provoques a beber vinho, para não acontecer que teu coração por ela se apaixone, e que pelo preço de teu sangue caias na perdição.
14. Não abandones um velho amigo, pois o novo não o valerá.
15. Vinho novo, amigo novo; é quando envelhece que o beberás com gosto.
16. Não invejes a glória nem as riquezas do pecador, pois não sabes qual será a sua ruína.
17. Não sintas prazer com a violência dos injustos; sabe que o ímpio desagrada a Deus até na habitação dos mortos.
18. Afasta-te do homem que tem o poder de matar, e assim não saberás o que é temer a morte.
19. Mas, se dele de aproximares, cuida em não cometer nenhuma falta, para não acontecer que ele tire a tua vida.
20. Sabe que a morte está próxima, porque andas em meio de armadilhas, e no meio das armas de inimigos escolerizados.
21. Tanto quanto possível, desconfia de quem de ti se aproxima, e aconselha-te com os sábios e os prudentes.
22. Que os teus convivas sejam virtuosos. Põe tua glória no temor de Deus.
23. Que o pensamento de Deus ocupe o teu espírito, e os preceitos do Altíssimo sejam a tua conversa.
24. É pela obra de suas mãos que o artista conquista a estima; e um príncipe do povo, pela sabedoria de seus discursos; e os anciãos, pela prudência de suas palavras.
25. Um grande falador é coisa terrível na cidade; o homem de conversas imprudentes torna-se odioso.

Bíblia Ave Maria - Todos os direitos reservados.

sábado, 12 de maio de 2012

NOSSA SENHORA DE FÁTIMA - MAIO DE 2012

Pergunta:Quereis entregar-vos a Jesus, pela conversão dos pecadores, pela paz no mundo, e em reparação dos ultrages proferidos pelos homens conta o Sagrado Coração de Jesus e Imaculado Coração de Maria?
Resposta: Sim.
E eu minha doce Mãe, por onde é que eu ando???
Tende piedade de mim Senhora!

Eclesiastes, 4


1. Pus-me então a considerar todas as opressões que se exercem debaixo do sol. Eis aqui as lágrimas dos oprimidos e não há ninguém para consolá-los. Seus opressores fazem-lhes violência e não há ninguém para os consolar.
2. E julguei os mortos, que estão mortos, mais felizes que os vivos que ainda estão em vida,
3. e mais feliz que uns e outros o aborto que não chegou à existência, aquele que não viu o mal que se comete debaixo do sol.
4. Vi que todo o trabalho, toda a habilidade numa obra, não passa de emulação de um homem diante do seu próximo. Isto é também vaidade e vento que passa.
5. O insensato cruza as mãos e devora sua própria carne.
6. Mais vale uma mão cheia de tranqüilidade, que as duas mãos cheias de trabalho e de vento que passa.
7. Vi ainda outra vaidade debaixo do sol:
8. eis um homem sozinho, sem alguém junto de si, nem filho, nem irmão; trabalha sem parar, e, não obstante, seus olhos não se fartam de riquezas. Para quem trabalho eu, privando-me de todo bem-estar? Eis uma vaidade e um trabalho ingrato.
9. Dois homens juntos são mais felizes que um isolado, porque obterão um bom salário de seu trabalho.
10. Se um vem a cair, o outro o levanta. Mas ai do homem solitário: se ele cair não há ninguém para o levantar.
11. Da mesma forma, se dormem dois juntos, aquecem-se; mas um homem só, como se há de aquecer?
12. Se é possível dominar o homem que está sozinho, dois podem resistir ao agressor, e um cordel triplicado não se rompe facilmente.
13. Mais vale um adolescente pobre, mas sábio, que um rei velho, mas insensato, que já não aceita conselhos;
14. porque ele sai da prisão para reinar, se bem que pobre de nascimento no seu reino.
15. Vi todos os viventes, que se acham debaixo do sol, apressarem-se junto do adolescente que o ia suceder;
16. era interminável o cortejo dessa multidão, à testa da qual ele caminhava. Contudo, a geração seguinte não se regozijará por sua causa. Tudo isso é ainda vaidade e vento que passa.
17. Vê onde pões teu pé quando entras no templo do Senhor. Mais vale a obediência que os sacrifícios dos insensatos, porque eles só sabem fazer o mal.

Bíblia Ave Maria - Todos os direitos reservados.

domingo, 6 de maio de 2012

quinta-feira, 3 de maio de 2012

BEM-AVENTURANÇAS


Bem-aventurados os que são pobres de espírito, porque deles é o Reino dos Céus.
Bem-aventurados os que tem fome e sêde por justiça, porque serão saciados.
Bem-aventurados os mansos porque eles herdarão a terra.
Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia.
Bem-aventurados os puros de coração porque verão a Deus.
Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça, porque dêles é o reino dos céus.
Bem-aventurados sois quando, por minha causa, vos insultarem e vos perseguirem e, mentindo, disserem todo mal contra vós por causa de mim.
Bem-aventurados os pacificadores porque serão chamados filhos de Deus.
Bem-aventurados os que choram, porque serão consolados.
Regozijai-vos e exultai, porque é grande a vossa recompensa nos céus.

quarta-feira, 2 de maio de 2012

JESUS BOM PASTOR



Jesus manso e humilde de coração, como os cordeirinhos, fazei o meu coração semelhante ao vosso.